Caminho de Santiago de Compostela

O Caminho Brasileiro de Santiago de Compostela

O Caminho Brasileiro é uma complementação de um dos caminhos de Santiago – o de La Coruña.

No ano de 2016 o conselho metropolitano da Catedral de Santiago de Compostela declarou, que segundo a tradição, historicamente documentada, muitos peregrinos chegavam ao porto da Coruña, para depois seguir à pé até Santiago. Assim, passou a existir a possibilidade de obter a Compostela aqueles que, tendo feito parte do Caminho em seus países ou regiões de origem, terminem a caminhada à partir do porto de Coruña até a Catedral de Compostela.

As exigências para que o Caminho Brasileiro fosse certificado, incluíam um caminho próximo à natureza, ter no mínimo 20 quilômetros, iniciar em uma igreja e terminar em outra, além de passar por mais duas.

O local encontrado, que atendia a todas essas exigências foi a Ilha de Santa Catarina. O caminho foi traçado pela Associação Catarinense dos Amigos do Caminho de Santiago de Compostela – ACACSC.

O Caminho Brasileiro de Santiago de Compostela percorre 21 quilômetros entre as praias de Canasvieiras e Ingleses, localizadas no norte da Ilha de Santa Catarina. Para os que não estão familiarizados com a região, é nessa ilha que está localizada Florianópolis, a capital do estado de Santa Catarina.

Um documento oficial, datado de 7 de fevereiro de 2017, assinado Presidente do Cabildo Metropolitano da Catedral de Santiago, diz o seguinte: “El Cabildo de la Catedral Compostelana apoya el “proyecto de creación de um trayecto en Brasil que complete esta peregrinación desde A Coruña y permita a los peregrinos brasileiros obtener la Compostela recorriendo esta ruta”.

Com isso o Caminho Brasileiro de Santiago, foi consagrado em 29 de junho de 2017, e ficando oficialmente reconhecido pela Catedral de Santiago como parte integrante do Caminho de La Coruña à Santiago.

Santiagode-Compostela.jpg

 

A Credencial do Peregrino

A Credencial do Peregrino equivale ao documento que era dado aos peregrinos durante a Idade Média e que servia com salvo conduto, que certificava sua passagem ordenada pelos diversos vilarejos de qualquer um dos Caminhos de Santiago.

A credencial oficial inclui na primeira página os dados do peregrino, o carimbo da entidade que a forneceu e o carimbo da Catedral de Santiago que será preenchido no final do trajeto.
As demais páginas estão em branco para serem carimbadas durante o percurso.

Você poderá adquirir a Credencial do Peregrino oficial do Caminho de Santiago, na primeira igreja do percurso brasileiro.

Credencial
Credencial

press to zoom
Credencial
Credencial

press to zoom
Credencial
Credencial

press to zoom
1/2

 

A Rota do Caminho Brasileiro de Santiago

O Caminho Brasileiro de Santiago de Compostela dispensa guia e pode ser feito seguindo a sinalização e as informações registradas adiante. Recomenda-se o uso de botas de trilha, de bastões e de uma pequena mochila para levar apenas o essencial, principalmente água e lanche. Maior parte do trecho não oferece dificuldade, porém entre a praia da Lagoinha e a praia Brava, o peregrino enfrenta subidas íngremes. Também o trecho da Brava para Ingleses, feito em meio à mata, exige esforço.

Paróquia Nossa senhora de Guadalupe

Início do Caminho

Igreja de São Pedro

Segunda parada do Caminho.

Igreja Nossa Senhora dos Navegantes

Terceira parada do Caminho.

Santuário Sagrado Coração de Jesus

Última parada do Caminho

28058619_1445387158903930_1344833480326751520_n.png

 

  • Saindo da igreja Nossa Senhora de Guadalupe, segue-se em direção à praia pela rua Afonso Cardoso da Veiga. Uma vez na praia, dobrar à direita.

  • O trecho de Canasvieiras a Cachoeira do Bom Jesus é feito pela praia, sem barreiras.

  • No final da Cachoeira do Bom Jesus – após ter andado 3.700 metros – é necessário cuidado com a sinalização, pois ali é feita a travessia de um curso d’água, com saída na servidão Manoel Salomé Jacques, já em Ponta das Canas.

  • A final da servidão, dobrando à esquerda, segue-se pela Avenida Luiz Boiteux Piazza por 2.000 metros até a rua Deputado Fernando Viegas (Referência: Residencial Raio do Sol), onde se dobra novamente à esquerda. Ao final da rua paralela à praia (+ 700 metros), chega-se à Igreja de São Pedro, onde se obtém o segundo carimbo.

  •  Para sair de Ponta das Canas, dobra-se em direção oposta à praia e logo adiante se estará na Estrada Jornalista Jaime de Arruda Ramos, por onde se segue por 480 metros, até chegar ao Antares Club Hotel Lagoinha (nº 1850), onde há uma passagem que leva à praia da Lagoinha, à esquerda.

  • A larga faixa de areia permite uma boa caminhada pela praia da Lagoinha, que é protegida  por costões, tem águas quentes e calmas e abriga uma tradicional colônia de pescadores.

  • Ao chegar ao final da praia da Lagoinha (510 metros), dobra-se à direita e dá-se novamente na Estrada Jornalista Jaime de Arruda Ramos. Para passar da praia da Lagoinha para a praia Brava há duas opções.

    1ª opção: servidão Portal das Flores. Grau de dificuldade média. Segue-se pela Estrada
    Jornalista Jaime de Arruda Ramos até a servidão Portal da Flores, à esquerda. Ao final da
    servidão, inicia uma trilha ascendente no Morro do Rapa. Após 480 metros dá-se na Avenida do Sol, de onde se avista a praia Brava.

    2ª opção: trilha do Morro do Rapa. De alto grau de dificuldade e de percurso dois quilômetros mais longo, porém o visual é deslumbrante e compensador. Voltando à Estrada Jornalista Jaime de Arruda Ramos, logo após a ponte há uma escadaria, à esquerda. Sobe-se por ela e dobra-se à esquerda, seguindo pela rua Cônego Valmor Castro até chegar seu final. É onde inicia a trilha do Morro do Rapa, que leva à Avenida do Sol, já na praia Brava.
     

  • A praia Brava é aberta, de característica oceânica e possui ondas fortes e bravias, vindo daí seu nome. Possui cerca de 1.500 metros de extensão, de areia muito fina, amarela e macia.

  • Ao chegar na rótula, dobra-se à direita, até a rua Sinésio Duarte, que dá acesso à praia. Deve-se, então, ir para a direita, caminhando até o final da praia. Inicia-se ali a travessia para a praia dos Ingleses pela trilha do Morro da Feiticeira, em meio à mata. É um trecho que exige muito esforço físico e atenção à sinalização.

  • Ao chegar à praia dos Ingleses, pode-se andar pela praia ou pela rua das Gaivotas.

    1ª opção: Pela praia. Vai-se pela praia até a última rua antes das dunas (3.000 metros), chegando à Estrada Vereador Onildo Lemos.  A Igreja de Nossa Senhora dos Navegantes está a uma quadra da praia. Lá se obtém o terceiro carimbo.

    2ª opção: rua das Gaivotas. Deve-se ir pela rua das Gaivotas até chegar à avenida Dom
    João Becker e seguir por esta até o final. A igreja está à esquerda, em direção à praia.

     

  • Ingleses é uma praia de mar aberto, tem grande extensão, quase cinco quilômetros, sua areia é muito fina e branca, com maior formação de dunas. Suas ondas são fortes e longas. O bairro tem todos os serviços necessários.

  • Obtido o carimbo, retorna-se à avenida Dom João Becker, seguindo-se por ela até à altura da rua
    Mercúrio (na bifurcação em Y). Então, dobra-se à esquerda, continuando por esta rua até encontrar a rua Intendente João Nunes Vieira. Nela está o Santuário Sagrado Coração de Jesus (nº1529), final da jornada dos 21 quilômetros do Caminho Brasileiro de Santiago de Compostela.

  • Com o quarto e último carimbo na credencial, o peregrino está apto a fazer o Caminho de Santiago de Compostela a partir de La Coruña, capital da Galícia, totalizando os 100 quilômetros exigidos para a obtenção da Compostela (certificado de peregrinação).

  • O carimbo é fornecido na Secretaria Paroquial de terça à sexta das 08h30 às 12h e 14h às 17h ou sábado das 08h às 12h.

 

Santiago de Compostela - Espanha

Caso você decida fazer o Caminho Brasileiro de Santiago, para complementa-lo na Espanha, no Caminho de La Coruña, você estará fazendo o trajeto mínimo necessário de 100 quilômetros para receber a Compostela.

A Compostela é o certificado de conclusão do caminho e para recebê-la você deverá apresentar a

Credencial do Peregrino.

Na credencial constarão carimbos que você conseguirá nos locais que passar, como igrejas, albergues, conselhos e até alguns locais comerciais.

Chegando em Santiago, após visitar a catedral e concluir o ritual do peregrino, passará pela Oficina do Peregrino para receber a Compostela.

Para recebê-la será exigido que na sua credencial, tenha pelo menos dois carimbos por dia. Não é necessário fazer o caminho de forma contínua, ou seja, você pode parar e continuar do mesmo ponto em outro momento. Por isso, tenha em mente que o Caminho Brasileiro de Santiago só pode ser continuado à partir de La Coruña,  que é a sua continuação, e não de outro ponto. Caso contrário, o percurso brasileiro não será válido para efeito de receber a Compostela.

42448560_1697008903741753_2381872795165392896_n.jpg
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon